Homenagem ao mestre


Agricultura

03/10/2017 09h07

Mais de 400 pessoas participaram, na segunda-feira, 02, das festividades alusivas às comemorações pela passagem dos 90 anos do advogado e educador Moacir Teófilo, pai do prefeito de Arapiraca, Rogério Teófilo.

As homenagens aconteceram no museu Thereza Auto Teófilo e também no ginásio do Colégio Bom Conselho, com a mostra de um vídeo, discursos de amigos, familiares e uma bênção religiosa.

 

Trajetória e pioneirismo

A tônica da solenidade foi o destaque da vida do professor, que se dedicou à educação do Agreste e do Estado, com total integridade, fazendo amizades entre alunos e colegas.

Neste mesmo mês, Arapiraca comemora 93 anos de emancipação política. Desta forma, a história do educador se confunde com o desenvolvimento da cidade, construindo, ambos, uma  trajetória de pioneirismo, lutas e conquistas.

 

A história

Professor Moacir Teófilo começou a trajetória na Fazenda Brejo, em Limoeiro de Anadia, onde passou a infância e iniciou a formação profissional na área jurídica e na docência.

Em 1950, ele realizou seu grande sonho, que foi inaugurar o prédio do Colégio Nossa Senhora do Bom Conselho, até hoje uma referência no setor educacional do interior do Estado.

Dia do Idoso

O Dia do Idoso é comemorado no dia 1º de outubro. A é fundamental para reforçar a importância da proteção a esse público e reavaliar todas as atitudes com relação aos idosos. De acordo com o Ministério dos Direitos Humanos, o Fundo de Populações indica que uma em cada nove pessoas no mundo tem 60 anos ou mais. O estudo aponta, ainda, que em 2050, pela primeira vez, haverá mais idosos que crianças menores de 15 anos. No Brasil, segundo pesquisa do IBGE, a população idosa totaliza 23,5 milhões de pessoas.

 

 Em Palmeira

Em Palmeira dos Índios, o Dia do Idoso será comemorado na próxima quinta-feira, 05, na Praça do Skate, das 8h às 12h. Serão oferecidos serviços de maquiagem, aferição de pressão arterial e glicemia, aula de dança, distribuição de brindes, cabeleireira, massagem com equipe do NASF, testes rápidos, vacinas e música ao vivo durante toda a manhã.

 

Curso de Música

Após uma semana de aulas práticas e teóricas, o Curso de Música ofertado pela Secretaria de Turismo, Cultura e Igualdade Racial de Traipu e o Sesc/AL para 80 músicos do município, foi encerrado em grande estilo. Um concerto solene, na Igreja Matriz de Nossa Senhora do Ó, simbolizou o fim dos ensinamentos para essa primeira turma e a garantia de que o projeto terá continuidade.

 

Músicos de Traipu

 “Sabemos que, tradicionalmente, muitos músicos de Traipu tocam em bandas de fanfarra das policias militares e do Exército, em várias localidades do Brasil, como também em bandas de forró. Quanto mais estudarem e se qualificarem, mais as portas se abrirão para eles”, disse a secretária de Turismo, Cultura e Igualdade Racial de Traipu, Suely Galvão.

 

Encerramento

O concerto de encerramento contou com a participação de tradicionais bandas de Traipu, como a Lira Traipuense e a Orquestra Show Jorge Trompete. O prefeito Eduardo Tavares, que também compareceu ao concerto, destacou a tradição musical do município.

 

Satisfeito

“Estou muito satisfeito com o sucesso do curso. O concerto foi lindo demais! O grande músico traipuense, Jorge Trompete, regendo as duas bandas mais importantes de todo baixo São Francisco; executando o Hino da Padroeira e Jubileu. Grande momento!’’, ressaltou Eduardo Tavares, parabenizando os maestros Jorge Trompete e Nelson Souza.

 

 Palmeira

Palmeira dos Índios se prepara para sediar dois importantes eventos, no mês de outubro, que vão reinserir de vez o município no calendário de eventos culturais do estado: a Semana Graciliano Ramos e a I Festa Literária de Palmeira dos Índios, a FliPalmeira. O intuito das duas programações é homenagear o escritor e ex-prefeito da cidade Graciliano, além de incentivar a leitura e fomentar a cultura no município. A programação contará, entre outras atrações, com shows dos pernambucanos Silvério Pessoa e Renato Bandeira e Som de Madeira, e palestra-show com Jessier Quirino.

 

Evento

O evento acontecerá de 25 a 28 de outubro e foi desenhado para se tornar uma festa celebrada anualmente, quando constarão mesas de debates, palestras, peças teatrais, oficinas e saraus literários, enriquecidos por apresentações de diversos segmentos culturais: shows musicais, feiras de livro e cultura, cinema, seresta, folclore, concerto de música clássica, exposição de pintura e fotografia, para extrapolar os espaços centrais do auditório e do corredor cultural e contagiar as escolas, ruas da cidade, feiras e bairros periféricos.

 

Homenagem

Além de Graciliano Ramos, outro escritor alagoano, o palmeirense Ivan Barros, também será homenageado na festa. Ele é escritor, fundador do jornal “Tribuna do Sertão”, autor de quase 30 livros e muito tem contribuído para a efervescência literária local. Serão três dias de programação gratuita com a presença de autores renomados no estado e do sul do país, realização de shows, apresentações musicais, teatrais, contadores de histórias, folclore, cordel, entre outros, e que tornará Palmeira uma grande vitrine no estado.

 

 

... A I FliPalmeira faz parte de um projeto de política de incentivo à leitura, com resultados concretos, para que se prolonguem e sejam constantes as atividades literárias nas escolas e comunidades,  além de contribuir para o hábito da leitura e, mais ainda, para o prazer de ler.

 

... “A I FliPalmeira é uma ação transformadora e revolucionária, que eleva a autoestima e produz a redução do analfabetismo, numa perspectiva de melhoria do ser humano e de sua qualidade de vida.

 

... Já a Semana Graciliano Ramos vem contemplar em sua programação a FliPalmeira, com o objetivo de homenagear o escritor e ex-prefeito de Palmeira dos Índios Graciliano Ramos, além de incentivar a leitura e a cultura do município”, explicou a secretária de Cultura de Palmeira dos Índios Isvânia Marques.



Compartilhe
comentários