HELOISA DIZ EM PALMEIRA: CONFIO EM JÚLIO CEZAR E MÁRCIO HENRIQUE


Alexandre Câmara

29/09/2016 09h29

Assessoria

Na manhã desta quarta-feira, 28, o Centro de Palmeira dos Índios parou. As pessoas que passavam, os comerciantes, os vendedores, os ambulantes, os feirantes, a população em geral, pararam para aplaudir e escutar a voz rasgada e inconfundível da palmeirense e ex-senadora Heloisa Helena. Ela chegou logo cedo na cidade, tomou café da manhã com os candidatos à prefeito e vice, Júlio Cezar e Dr. Márcio Henrique na casa do médico e seu irmão, Hélio Moraes, e em seguida subiram em um pequeno caminhão e saíram pelas ruas centrais da cidade.

Em discurso forte, como é de costume, a pequena notável estava com a metralhadora carregada. Falou do momento terrível que vive a política em sua cidade natal, da administração temerosa dos gestores da prefeitura e do seu apoio à candidatura de Júlio Cezar e Márcio Henrique, que conta com a simpatia e a adesão da maioria dos patrões e empregados do comércio de palmeira dos Índios.

“Não vim aqui para falar mal de ninguém. Mas não podia deixar de vir na minha cidade e não registrar em público o meu repúdio à violência, à falta de propostas, à maneira sorrateira de fazer política e a falta de vergonha na cara desses míseros políticos que surrupiam esta empobrecida cidade há 30 anos. Eu vim aqui para falar que espero muito de Júlio e Márcio. Não vamos acreditar no terrorismo que o atual governo anda espalhando contra esses dois. Isso é uma falta de responsabilidade, é crime e vamos dar a resposta para eles no próximo domingo, dia 2, votando no 40, votando em Júlio Cezar e Márcio Henrique”, desabafou a ex-senadora.

Ela tinha outros compromissos e encerrou sua passagem por Palmeira fazendo um apelo aos palmeirenses, “quero fazer aqui um apelo. Quero que vocês me deem esta alegria. Não sei se no dia 2 eu vou estar aqui ou em Maceió, mas eu quero ouvir num radinho ou ver numa TV que Palmeira dos Índios elegeu Júlio Cezar e Marcinho. Eu já tive uma conversa e eles não vão trabalhar como mercadores de ilusões e nem com perseguição política. Podem acreditar”.

Visivelmente emocionada, Heloisa pediu para que as pessoas votassem com amor e consciência, “votem pela mudança. As pessoas têm que votar em quem tem vergonha na cara e amor no coração. Temos que eleger quem se preocupa com educação e saúde de qualidade, para que nossos filhos fiquem em casa e não se entreguem à marginalidade. Votem contra ao bandidismo político e contra a corrupção. Elejam quem tem compromisso com o comercio e a agricultura local. Espero que Palmeira diga em alto e bom som, agora somos mulheres e homens livres. Avante Júlio e Marcinho, porque vocês são a nossa esperança. ”, finalizou emocionada.



Compartilhe
comentários