PEDOCA É CANDIDATO EM SÃO MIGUEL E DIZ QUE GEORGE ‘NÃO HONRA A CALÇA QUE VESTE’


Alexandre Câmara

07/08/2016 18h46

PMDB entrou na disputa fortalecendo a coligação, e confirmou o médico Geraldo Lessa como vice de Pedoca

 “Pronto, motivado e com força. É a vontade do povo que está clamando por mudança”. Com essas palavras o vice-prefeito de São Miguel dos Campos, o Pedoca, foi confirmado candidato a prefeito na convenção do Democratas que aconteceu na última sexta-feira(05). Após horas de negociações, o PMDB entrou na disputa ao lado de Pedoca, colocando Geraldo Lessa como vice. Compõem a coligação denominada 'Compromisso Levado a Sério' os partidos DEM, PMDB, PSD, PMB,PTN e PTdoB. “Credibilidade é fundamental, e você tem que honrar a calça que veste, o que não acontece nesta gestão do George. Fui enganado como todos os miguelenses”.

Em seu discurso Pedoca também afirmou que a sociedade votou em 2012 pelas propostas e compromissos que George tinha com o povo, o que, segundo ele, não foram cumpridos. "Por isso que eu saí dessa gestão. Ele não cumpriu com o Plano de Governo que foi passado para a população”. Pedoca, sobrinho de Nivaldo Jatobá, que não será candidato a prefeito neste ano, analisa que os votos do maior líder da região migram para ele, naturalmente.

LARANJA         

O deputado estadual Marcelo Vitor, presente na convenção, disse que George quer deixar em seu lugar um laranja na prefeitura. “Não podemos abandonar as convicções políticas e a amizade em prol do poder, onde o prefeito sai e quer deixar de laranja na prefeitura seu sobrinho, o Jó Clemente, para administrar. Ele quer fazer um projeto de poder pessoal, como se a prefeitura fosse dele. A prefeitura é do povo e a candidatura de Pedoca reflete o anseio da população”.



O ex-deputado Gervasio Raimundo também apoia a candidatura de Pedoca. “Não é que seja a vez do Pedoca; é a vez do povo de São Miguel. Vai ser o prefeito do trabalho, da consideração e um homem que não vai enganar a ninguém”, concluiu.



Compartilhe
comentários