Mais dinheiro na praça


Flávio Gomes

01/04/2016 16h19

O Banco do Nordeste deve aplicar mais do que o previsto para Alagoas em crédito do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) em 2016. A meta de R$ 680 milhões  deve ser ultrapassada, levando-se em conta a redução dos juros dessa fonte de recursos por meio de resolução do Conselho Monetário Nacional, em 11 de março. A avaliação é do superintendente estadual do Banco do Nordeste em Alagoas, Antônio César de Santana. Os juros de operações realizadas com micro e pequenas empresas, por exemplo, que estavam em 14,12%, em dezembro de 2015, foram reduzidas para 11,18% ao ano e, com o bônus de adimplência, caem ainda para 9,5% ao ano. Os recursos do FNE destinados ao Estado abrangem contratações com clientes de grande a mini e pequeno portes de todos os setores econômicos, além da microfinança rural. No caso do crédito para MPEs, a previsão é contratar mais de R$ 95 milhões. Já em relação ao crédito destinado aos agricultores familiares, a perspectiva de contratação é de cerca de R$ 125 milhões.

Quem sabe?

 
Na opinião do seu próprio grupo político, o vice Yale Fernandes se saiu melhor do que o esperado na interinidade como prefeito de Arapiraca. O que lhe dá chances de ser candidato à sucessão de Célia Rocha, que dificilmente concorrerá à reeleição. Outra opção governista é o deputado estadual Ricardo Nezinho.


Diferente
O deputado estadual Rodrigo Cunha (PSDB) reafirma a postura inovadora ao promover o evento “Política em Movimento”, no dia 8 de abril, para discutir novos modelos na política alagoana. E justifica: “Uma das minhas principais missões é estimular novas pessoas a ingressarem na política. Quero compartilhar minha experiência.”


Razões

 
Renan Calheiros irá barrar o impeachment no Senado. É o que se diz em Brasília. Teme represálias de Dilma Rousseff aos seus favorecidos e ao Estado de Alagoas, governado por seu filho. E também receia que a turma do PT, mais do que nunca liderada por Lula, torne públicas questões que lhe são desagradáveis.

 


Contestação
Para o deputado federal Pedro Vilela (PSDB/AL) há contradição do PT em relação ao impeachment de Dilma: “O PT afirma ser golpe uma prática que eles conhecem bem, que já tentaram utilizar. Agora eles afirmam que é golpe. Os ministros do STF deixaram muito claro que o impeachment está previsto na Constituição.”


Posição

 
Do ministro Celso de Mello, decano do Supremo Tribunal Federal, desmistificando a tese de que o impeachment é um golpe contra a presidente Dilma Rouseff: “O impeachment, numa situação dessa, é um instrumento legítimo, pelo qual se objetiva viabilizar a responsabilização política de qualquer presidente da República”.

 

“Boca quente”

 
A disputa pelas duas vagas ao Senado, em 2018, se prenuncia autêntica “briga de foice”. Renan Calheiros e Benedito de Lira, atuais senadores, são candidatos naturais. O deputado federal Marx Beltrão, muito bem estruturado politicamente, se apresenta como uma cara nova. Téo Vilela, ex-senador e ex-governador, pode ser outro forte candidato.


Inovação


O Banco do Nordeste criou novo modelo de atuação para agentes de desenvolvimento, profissionais que trabalham no fortalecimento de cadeias produtivas locais. Com o novo direcionamento, os agentes de desenvolvimento estarão cada vez mais inseridos na economia local, focados na inclusão produtiva de populações menos favorecidas e na melhoria das condições de vida da população.


Modernidade


O Serviço Social da Indústria implantou no município de Campo Alegre a 39ª unidade do programa Indústria do Conhecimento em Alagoas. É um centro multimídia com acesso à internet, onde a população tem acesso a gibiteca, DVDteca e biblioteca, podendo também fazer cursos ofertadas pelo Sesi.


Meio-ambiente


O projeto de monitoramento de peixes (ictiológico) realizado desde 2009 no Baixo São Francisco pela Codevasf revelou o retorno da espécie curimatã pioa à região. O peixe é endêmico da bacia hidrográfica do Rio São Francisco, onde é conhecido como bambá piau. Segundo pescadores, a espécie estava praticamente desaparecida.

* A segunda edição do Bazar Solidário dos Jornalistas será realizada sábado, 2 de abril, das 8 às 12 horas, no Sesc Poço, em Maceió, para ajudar no tratamento dos jornalistas Carlos Miranda e Olívia de Cássia, que sofrem com doenças degenerativas.


*A secretária de Educação de Arapiraca, Gorete Queiroz, anunciou reajuste salarial de 11, 36% para os profissionais de ensino, em reunião que também contou com a presença do secretário de Finanças, Lucas Leão. Sairá 8% em abril e 3,36% em outubro.


* Estudantes da Escola de Tempo Integral Professora Claudecy Bispo, no bairro Jardim Esperança, em Arapiraca, receberam o projeto “Papo com Leitura”. As atividades de incentivo à leitura e à escrita ocorreram na biblioteca digital Professora Neuza Gomes.


* Estudantes do Ensino Fundamental de Arapiraca incluídos no Programa Educação Emocional contam agora com cerca de 20 mil livros com a metodologia Liga Pela Paz . A iniciativa visa prevenir a violência através do desenvolvimento das competências emocionais dos alunos e melhoria da aprendizagem.


*O curso de Zootecnia do Campus Ufal Arapiraca recebe durante esta semana estudantes, técnicos e produtores rurais para o 2º Encontro de Zootecnia, que prossegue até esta 6ª feira, 1º de abril. É uma parceria entre Sebrae, Ufal e empresas da região.


* O “Restaurante Popular de Arapiraca Alonso de Abreu Pereira – Jerimum” passará por mais uma manutenção. Segundo a Secretaria de Assistência Social a readequação das instalações hidráulicas e elétricas será executada a partir do dia 4.



Compartilhe
comentários