EDITAIS ABERTOS!


Janu

01/04/2017 11h19

Como sempre venho aqui informar sobre editais culturais abertos em Alagoas e no Brasil. Dessa vez trago mais alguns:

Imprensa Oficial lança edital para selecionar ilustradores para a Coleção Coco de Roda


A Imprensa Oficial Graciliano Ramos anuncia a abertura de inscrições para o edital que vai selecionar ilustradores para os livros de literatura infantil da Coleção Coco de Roda. O período de inscrição será de 24 de março a 14 de abril.

Os vencedores do edital vão ilustrar os cinco novos livros da série, inaugurada em 2011, e que já conta 21 publicações. Os livros serão lançados na Bienal Internacional do Livro de Alagoas, no final de setembro. Serão selecionados cinco ilustradores (um para cada livro), que receberão um prêmio de R$ 3,5 mil, e uma cota de 2% da primeira tiragem do livro que ilustrar. Os autores dos textos também foram escolhidos por edital, em agosto de 2016.

A iniciativa visa também prestigiar os ilustradores nascidos em Alagoas ou radicados no Estado, condição básica para se habilitar ao edital. Leia na íntegra o conteúdo do edital no endereço: http://www.imprensaoficialal.com.br/editalilustra2017/

Secult lança edital para registro de dois novos mestres do Patrimônio Vivo

A Secretaria de Estado da Cultura (Secult) lançou um novo edital de inscrição para o Livro de Registro do Patrimônio Vivo do Estado de Alagoas, disponível no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (22). Nesta edição, serão preenchidas duas vagas destinadas para representantes da cultura popular do Estado. As inscrições seguem até o dia 20 de abril.

O edital reconhecerá como Patrimônio Vivo do Estado de Alagoas mestre e mestras que detenham os conhecimentos ou as técnicas necessárias para a produção e para a preservação de aspectos da cultura tradicional ou popular de uma comunidade estabelecida em Alagoas nas áreas de danças e folguedos da cultura popular, literatura oral e/ou escrita, gastronomia, música, artes cênicas, artesanato, dentre outras.

"Os mestre do Patrimônio Vivo são de suma importância para a conservação da história cultural de Alagoas. A transmissão de conhecimentos e costumes não deve acabar, pois a identidade cultural de um povo é uma das suas maiores riquezas", ressalta a titular da pasta Mellina Freitas.

Será considerado apto a receber o registro de Patrimônio Vivo brasileiro residente em Alagoas há 20 anos, que tenha participação comprovada em atividades culturais no mesmo período e esteja capacitado a transmitir seus conhecimentos ou suas técnicas à sociedade, de forma presencial ou por intermédio dos mais diversos meios de comunicação.

Uma comissão especial composta por cinco representantes de entidades relacionadas à cultura irá analisar e avaliar os candidatos, segundo os critérios de sustentabilidade cultural, currículo do participante, reconhecimento na sua comunidade e por outros segmentos como transmissor e fomentador desse saber e cultura dos povos tradicionais (indígenas e/ou quilombolas).

Os candidatos devem se inscrever através de um formulário padrão disponível no portal da Secretaria de Estado da Cultura, através do endereço eletrônico www.cultural.al.gov.br e entregá-lo devidamente preenchido no setor de Protocolo da Secult, de segunda-feira a quinta-feira das 09h às 13h, e na sexta-feira das 9h às 12h.



Semana Graciliano Ramos traz vida e obra do mestre literato para os alagoanos


As comemorações que marcam os 200 anos de emancipação política de Alagoas não param. Ações de preservação da identidade e memória dos alagoanos serão pauta de atividades durante a Semana Graciliano Ramos, que acontece de 20 a 24 de março, nos municípios de Palmeira dos Índios, Viçosa, Quebrangulo e Maceió. As atividades farão alusão à vida e obra do escritor alagoano.

As cidades foram escolhidas como palco do evento, porque fizeram parte da vida de Graciliano Ramos. Para o secretário-chefe do Gabinete Civil e coordenador da Comissão Mista Especial do Bicentenário, Fábio Farias, o Governo do Estado quer marcar as comemorações do Bicentenário.

Peças teatrais, exibição de filmes, e palestras vão contar com riqueza de detalhes a história do escritor que marcou a literatura brasileira com obras que retratam a vida do homem nordestino no sertão.

Graças à vivência no interior de Alagoas, Graciliano conhecia de perto a realidade da vida no sertão, retratando-a em importantes obras, como “Vidas Secas” e “São Bernardo”.

A programação também contará com a presença de Ricardo Ramos, filho de Mestre Graça, e do diretor de cinema, roteirista, produtor e ator Ney Sant’Anna.

Confira no site http://www.cultura.al.gov.br a programação completa da Semana Graciliano em Alagoas.
Inscrições abertas para o 3º Salão de Arte Contemporânea de Alagoas

Artistas visuais nas áreas de pintura, gravura, fotografia, grafite, desenho, escultura, design, instalação, colagens e vídeo arte já podem se inscrever para expor seus trabalhos no III Salão Nacional de Arte Contemporânea de Alagoas. Ao todo, serão selecionados sessenta artistas, entre participantes e convidados. As inscrições estão abertas até o dia 17 de abril.

Poderão se inscrever artistas brasileiros e estrangeiros, legalmente residentes, com idade igual ou superior a 18 anos, que tenham participado de, no mínimo, três exposições coletivas e uma individual.

As propostas devem ser encaminhadas pelo Correio ou entregues na Galeria do Complexo Cultural Teatro Deodoro, localizado na Praça Marechal Deodoro, no centro de Maceió.




Compartilhe
comentários