Polícia

Após confessar crime, suspeito de matar Silvânio é preso em Maceió


Fonte: Redação com A Notícia

10/09/2018 11h48

O suspeito de matar o vereador Silvânio Barbosa, identificado como Henrique Matheus da Silva, admitiu ter executado o parlamentar com 50 facadas. A Polícia Militar da Paraíba informou as autoridades policiais de Alagoas, que abordou o suspeito, que estava no carro de Silvânio, por desconfiar de atitude suspeita.

Diante das contradições os militares resolveram buscar informações sobre o suspeito e descobriram, com ajuda de informações postadas na internet, que o dono do carro, um Honda Civic, tinha sido encontrado morto no apartamento em que morava, no condomínio Central Park, no complexo Benedito Bentes, parte alta capital, no último sábado pela manhã.

O suspeito disse ter iniciado relação afetiva com Silvânio 15 dias atrás, quando o conheceu durante o trabalho ( vendedor). Henrique já teria ido ao segundo encontro com o vereador com a intenção de praticar o crime, quando percebeu que ele possuía alguns pertences de valor.

Há relatos de que Silvânio chegou a oferecer R$ 10 mil para que Henrique o deixasse vivo. O suspeito então fingiu aceitar a proposta, pegou o dinheiro e pediu a senha do celular do vereador. Após conseguir a senha do aparelho, Henrique teria acabado de matar Silvânio.

A cúpula da Polícia Civil deve convocar a imprensa para entrevista coletiva, nesta segunda-feira para esclarecer mais detalhes.

vacinacao


Compartilhe