Polícia

Criança morre e mulher é socorrida após asfixia causada por gás em Maceió


Fonte: Tribuna Hoje

20/09/2018 22h39

Uma criança de três anos de idade foi encontrada sem vida em um apartamento do Conjunto Parque Petrópolis III, no bairro de Petrópolis, na parte alta de Maceió, na tarde desta quinta-feira (20). Moradores do residencial relataram à imprensa que sentiram um forte cheiro de gás que vinha de um dos apartamentos do conjunto. A mãe da criança foi encontrada com vida.

A movimentação em frente ao apartamento da vítima foi intensa durante a tarde desta quinta-feira. Moradores do conjunto, agentes do 4º Batalhão da Polícia Militar (4º BPM) e do Instituto de Medicina Legal (IML) fizeram um trabalho em equipe com o objetivo de salvar as vítimas. Quando a porta do apartamento foi aberta com uma chave reserva conseguida pela administração do conjunto, os populares ficaram surpresos ao verem a mulher – não identificada – respirando, caída no chão da sala do apartamento.

“A mulher está viva, poderiam ter arrombado essa porta antes. Ela está respirando”, comentou um agente do IML para um popular no local. “A criança está morta”, completou o agente. De acordo com moradores, a mulher – que aparentava ter mais de 40 anos de idade – morava sozinha com a criança e era viúva. “Pelo que sei, ela recebia uma pensão”, afirmou um morador à reportagem da Tribuna.

O morador também falou que as saídas de gás canalizado do apartamento das vítimas estavam todas abertas e, com o apartamento todo fechado, teria causado a asfixia de mãe e filho. “Isso poderia ter explodido o prédio”, disse o popular.

A mulher foi socorrida por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), enquanto o corpo da criança – também não identificada – foi recolhido pelo IML.

 



Compartilhe