Polícia

Reeducandos tentam fugir do presídio Cyridião Durval


Fonte: Redação com Tribuna Hoje

27/09/2018 11h19

Na madrugada desta quinta-feira (27), reeducandos tentaram fugir do presídio Cyridião Durval, em Maceió. Por volta das 3h da manhã eles serraram uma grade do anexo 3, que dava acesso ao pátio em que tomam banho de sol. Lá, eles serraram uma tela que fica no teto e já sairiam do sistema prisional. Os agentes acompanharam por videomonitoramento e acionaram o Grupo de Escolta, Remoção e Intervenção Tática, evitando a fuga.

Instrumentos utilizados pelos detentos (foto: Cortesia/Sindapen)

Por conta da tentativa de fuga, os detentos devem sofrer processo administrativos e perder o direito a algumas coisas, como visitas ou até mesmo o direito de trabalhar, o que ajudaria a reduzir  pena.

Pertrônio Lima, vice-presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários,  explica que hoje o sistema está fragilizado por conta do baixo efetivo. “Eles podem ter conseguido essas serras de várias formas, é difícil para os agentes fazerem a fiscalização”, disse o sindicalista. Ele relatou que a população carcerária saltou de 2 mil pessoas em 2006, para 5500 atualmente. Há uma carência de mais de 600 agentes e é preciso realizar concurso público.

 

 



Compartilhe