Polícia

Mulher que possivelmente se jogou de prédio em Maceió não estava grávida, atestou IML


Fonte: Redação com Diário Arapiraca

07/05/2019 09h51

Uma mulher identificada como Joseane Onorato possivelmente se jogou da cobertura de um edifício empresarial na antiga Amélia Rosa, no bairro Jatiúca, em Maceió, por volta das 10h55 de ontem, segunda-feira (06). De imediato, as informações divulgadas nas redes sociais davam conta que a psicóloga estava grávida de sete meses. Pessoas que trabalham no The Square – entre outras que inclusive conheciam Joseane, ou disseram conhecer - confirmaram a informação.

 A reportagem ficou em contato com órgãos oficiais, como Instituto Médico Legal, Polícia Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas ninguém sabia, até então, afirmar se a vítima estava ou não grávida.

Perto das 18h foi, finalmente, informado pela assessoria de comunicação do IML que a mulher, após confirmação do médico legista, não estava grávida. A assessoria disse, ainda, que o laudo ficará pronto no prazo de dez dias e será encaminhado para a delegacia responsável pela investigação do caso, o 2º Distrito Policial.

Mais tarde, depois das 21h, a assessoria do IML enviou mensagem em um grupo no WhatsApp formado por jornalistas que atuam em Alagoas: “Essa informação não procede. O exame de necropsia feito no IML confirmou que ela não estava grávida”.



Compartilhe