Política

Ação integrada interdita e notifica locais de desmanche de veículos em Arapiraca


Fonte: Redação com assessoria

26/03/2021 17h00

Manter a cidade limpa é responsabilidade de todos. Com essa finalidade, a Prefeitura Municipal de Arapiraca organizou uma ação integrada para fiscalizar e interditar estabelecimentos irregulares que comercializam peças de veículos usadas.

Na manhã desta sexta-feira (26), as equipes estiveram em um desmanche de ônibus na Rua Maestro Nelson Soares Palmeira, no bairro São Luiz, e em outro estabelecimento, localizado às margens da AL-110, no bairro Boa Vista. Os proprietários foram autuados e os estabelecimentos interditados.

O objetivo é notificar, remover ou multar os proprietários dos veículos em situação de abandono, além de priorizar a saúde pública já que as carcaças geram riscos à população, devido ao acúmulo de lixo e ferrugem.

Estiveram na ação a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Seduma), Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), Vigilância Sanitária e Polícia Militar.

O diretor de fiscalização ambiental, Samuel Magalhães, autuou as empresas e orientou sobre os prejuízos causados ao Meio Ambiente. “Estamos realizando a operação integrada no combate ao descarte irregular de veículos no que diz respeito às atividades de oficina. A operação seguirá durante várias semanas com objetivo de coibir o funcionamento irregular de tais estabelecimentos”, argumentou o diretor de fiscalização ambiental.

O superintendente da SMTT destacou que o órgão está buscando remover os veículos abandonados das vias para deixar a cidade mais limpa. “Essa ação entre as secretarias e PM é muito importante, pois podemos agir de forma coordenada e evitar poluição e doenças que proliferam através do lixo, A população está nos ajudando denunciando e nosso foco é deixar uma cidade mais limpa e com um trânsito seguro”, frisou Josenildo Souza.

As operações estão percorrendo os diversos logradouros da cidade, localizando veículos “fantasmas” e coletando informações que os ajudem a identificar quem são seus proprietários. As denúncias podem ser realizadas para 118 e (82) 3522-3254.



Compartilhe