Política

Prefeitura de Maragogi decreta situação de emergência por manchas de óleo


Fonte: Assessoria

29/10/2019 09h59

O prefeito de Maragogi publicou, nesta segunda-feira (28), um decreto de situação de emergência por causa das manchas de óleo que atingem o litoral alagoano. O decreto foi publicado no Diário Oficial dos Municípios do Estado de Alagoas.



O município é o terceiro a anunciar a medida. Segundo o prefeito Fernando Sérgio Lira Neto, considerando o surgimento dos resíduos, que há mais de dois meses atingiram o litoral de Maragogi, sem que até o momento sejam conhecidas a fonte e autoria do incidente, ficou determinado que até o dia 23 de dezembro, o município segue em estado de alerta máximo, a fim de detectar, recolher e encaminhar para destinação ambientalmente correta todos os resíduos de óleo que surgirem no litoral maragogiense.

Além disso, no documento assinado no último dia 23, o prefeito lembra que a atividade turística em Maragogi depende fundamentalmente das condições de balneabilidade das praias e integridade dos atributos naturais.

Para monitorar e promover as ações necessárias para identificar os pontos de ressurgência dos resíduos de petróleo, foi criado um Grupo Técnico de Acompanhamento.

O grupo ficará responsável por elaborar um relatório técnico com a descrição dos locais em que os resíduos surgirem, além da relação da mão de obra utilizada e os custos financeiros para a remoção do óleo. Além disso, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos poderá convocar voluntários para o trabalho de remoção dos resíduos. 



Compartilhe