Política

Programa "Arapiraca eu amo, eu cuido" foi lançado durante o desfile da Emancipação


Fonte: Assessoria

01/11/2019 11h25

A cidade é a extensão de nós mesmos. Não à toa nossa alcunha deriva dessa palavra: somos todos cidadãos.

E para provar que há valor nesses termos, a Prefeitura de Arapiraca lançou nesta quarta-feira (30) durante a Emancipação Política de 95 anos do município o programa “Arapiraca: Eu Amo, Eu Cuido”.

Ele tem o intuito de incentivar um olhar mais profundo para o ambiente em que residimos, onde pequenos gestos podem fazer toda a diferença.

Dezenas de voluntários se solidarizaram com a proposta (Foto: Samuel Alves)

“Este é apenas o pontapé inicial desse movimento em nossa cidade. O que queremos é que as pessoas percebam que cuidar de Arapiraca em cuidar de si e de quem se ama”, diz o secretário Executivo, Moacir Teófilo Neto.

Segundo ele, que está por trás da idealização do programa, junto à Secretaria Municipal de Serviços Públicos, o “Arapiraca: Eu Amo, Eu Cuido” partirá depois para as ruas do centro comercial e invadirá outros bairros ao longo dos meses posteriores.

“Vamos também realizar a coleta seletiva em breve e conscientizar as pessoas para que façam o seu papel na melhoria da qualidade de vida de todos e todas. Arapiraca é a nossa casa”, pontua Moacir.

Foi feita panfletagem durante os festejos de Emancipação Política (Foto: Samuel Alves)

A ação ocorrida nesta quarta (30) contou com cerca de 40 voluntários, entre eles, dezenas de estudantes da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal) e do Instituto Federal de Alagoas (Ifal).

Um deles foi o aluno do 5º período de Biologia da Uneal campus Arapiraca, Roberto Rocha, empolgado em poder ajudar de alguma forma.

“Cuidar da cidade não é só função do gestor municipal. Então, nós como cidadãos temos obrigação de ajudar a manter nossos espaços públicos limpos e, realmente, preservá-los. Arapiraca tem áreas verdes maravilhosas, como o Bosque, onde está acontece o piloto desse programa. O nosso dever é mostrar às pessoas que manter a cidade limpa é possível, conscientizando-as botando a mão na massa”, comenta Roberto.

Estudante de Biologia reforçou a necessidade de todos manterem o município limpo (Foto: Samuel Alves)

Nessa perspectiva, os voluntários se espalharam com luvas nas mãos, munidos de sacolas plásticas e lixeiras, catando o que havia no chão e chamando a atenção dos transeuntes que prestigiavam o desfile dos 95 anos no Bosque. Eles percorreram panfletando do totem “Eu Amo Arapiraca” até a Escola Municipal de Circo Teófanes Silveira – Palhaço Biribinha.

Uma parceria, portanto, foi firmada com a Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis de Mangabeiras (Ascaman) e Associação dos Catadores de Arapiraca (Ascara), a fim de recolher todos os resíduos recolhidos durante o evento.

Presidente da Ascaman aprovou a nova medida da Prefeitura (Foto: Samuel Alves)

“Criamos a nossa associação assim que o ‘lixão da Mangabeiras’ foi desativado pela Prefeitura. Nos juntamos e hoje somos 55 catadores registrados, trabalhando para levar consciência aos nossos cidadãos. Vamos iniciar um trabalho porta a porta no Centro de Arapiraca no início de novembro e esse novo programa só vem para melhorar as coisas”, conclui o presidente da Ascaman, Sebastião Alencar.

No local, a engenheira ambiental da Secretaria de Serviços Públicos, Patrícia Albuquerque, coordenou as três equipes de voluntariado e já planeja as próximas ações deixando o contato para que quiser se candidatar a ajudar Arapiraca nessa nova etapa: 9.9991-1941.



Compartilhe