Visando aumentar sua capacidade de atendimento na área de
equoterapia, O Complexo Multidisciplinar de Equoterapia Tarcizo Freire
está reforçando ainda mais as parcerias com o Governo do Estado de
Alagoas através da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau). Por isso uma
equipe da secretaria esteve nesta quinta-feira 09, realizando uma visita
técnica a instituição para conhecer de perto os serviços ofertados as
pessoas com deficiência.
A equoterapia do Complexo atua junto á uma equipe multidisciplinar
composta por fisioterapeutas, psicólogos, fonoaudiólogos, auxiliares guias
e laterais, além de equitador e baieiro, que realizam mais de 20 mil
atendimentos anuais, sendo 420 por semana e 1.680 mensais entre
crianças, jovens e adultos. Com a contratualização a instituição terá
condições de aumentar o número de atendimentos em sua sede que atua
na reabilitação psicomotora das pessoas.
Para o fundador da entidade, o deputado estadual Tarcizo Freire, a
parceria é uma forma de fortalecer a área social e assegurar que, outras
pessoas que necessitam dos serviços de equoterapia sejam atendidas, já
que a demanda é grande e o Complexo atende pessoas de diversos
municípios do Estado.
“A parceria é uma forma de melhorar e fortalecer o atendimento na área
de equoterapia, além garantir que outras pessoas tenham acesso ao
tratamento que é tão importante para a qualidade de vidas dos seus
usuários”, destacou Tarcizo.
Para finalizar, o parlamentar disse ainda que acredita que o Governo do
Estado vai se sensibilizar ainda mais, para que a instituição tenha
condições de dobrar seus atendimentos na área de equoterapia.

Equoterapia
A equoterapia é um método terapêutico e educacional, que utiliza o
cavalo dentro de uma abordagem multidisciplinar e interdisciplinar, nas
áreas de saúde, educação e equitação, buscando o desenvolvimento
biopsicossocial de pessoas com deficiências. O tratamento trabalha em
prol da reabilitação física e mental dos praticantes. O contato com o
cavalo oferece melhoras também àqueles com algum tipo de distúrbio
neurológico, sendo recomendados a portadores da síndrome de Down,
esclerose múltipla e autismo. Auxilia ainda no tratamento de crianças com
hiperatividade ou muito agitadas, assim como daquelas com dificuldade
de concentração.