Cultura

Tito do Recife comemora sua volta aos palcos com diversas composições


Valores da Nossa Terra
Fonte: Jornal de Arapiraca

22/09/2022 06h21

A coluna Valores da Nossa Terra desta semana falará um pouco da história de Tito do Recife, que tem 35 anos de carreira e é mais um integrante do projeto Nave Cultural Além Fronteiras, conexão com Alagoas e Pernambuco. O artista nasceu em Pesqueira, Pernambuco, filho de Geraldo Ferreira e Maria Tereza Ferreira Logo. 

Em entrevista para a coluna, Tito falou como surgiu o seu amor pela vida artista. De acordo com ele, desde cedo pegou amor pela música regional tendo como influência Luiz Gonzaga, Dominguinhos e Jackson do Pandeiro.

A vida artista de Tito começou no Estado da Paraíba na cidade de Sousa, onde passou por algumas bandas de forró e em 2010 começou a carreira solo.

O cantor relembrou em entrevista que muitos perguntam o porquê do seu nome artístico ser Tito do Recife, ao invés de Tito de Pesqueira. Ele explicou que o nome escolhido é devido um apelido carinhoso de sua irmã.  

“Tito é porque desde de pequeno minha irmã me chamava assim, e do Recife foi uma contratante da cidade de Sousa na Paraíba que colocou, pois a mesma iria fazer propaganda na rádio sobre o evento que seria realizado em seu estabelecimento. Então ela achou que soava melhor esse nome para que as pessoas comparecessem em seu evento, e realmente foi, a casa de show dela lotou como nunca, e assim ficou até hoje: Tito do Recife”, revelou.

Tito falou o quanto é difícil a vida por ele escolhida. “Como todos sabem a carreira artística é difícil, mas é prazerosa e faço tudo em relação a música com muito amor”.

Com a pandemia da Covid- 19, muitos artistas sofreram, músicos de todo país passaram por muita necessidade por falta de contratações, diversos músicos tiveram que vender seus instrumentos para comprar mantimentos. 

Tito contou que se afastou dos palcos e que só tem a agradecer a Deus por estar voltando a vida normal fazendo o que mais gosta, levar alegria em forma de música para seus fãs e amigos. 

“Passei por momentos difíceis em minha carreira musical, principalmente na Pandemia que me afastou dos palcos mas graças a Deus estamos retornando a vida normal. Nesse tempo parado fiz algumas composições tais como Vestido de Cambraia, Festa de São João, Não tem quem diga, Selar meu Cavalo. Essas composições  já estão disponíveis no YouTube, Palco MP3 e Sua música.com”, finalizou Tito agradecendo o Incentivador Cultural Sérgio Tenório das Alagoas, pelo total apoio em receber no projeto Valores da Nossa Terra e Projeto Nave Cultural  Além Fronteiras, projetos bons para o povo melhor para Alagoas e informado que em breve vem a Alagoas para de apresentar no projeto e fazer alguns shows no Agreste e Sertão.




Compartilhe