Esportes

CRB tem problema para o jogo final



26/11/2021 09h07

Esta sexta (26) tem treino e sábado (27) também. Falta pouco para o CRB jogar a decisão mais importante temporada 2020. A delegação embarcou nesta quinta (25) para Ponta Grossa, no Parará, e já chegou. Em busca do acesso para a Série A, o time O zagueiro Ewerton Páscoa não viajou com o grupo. Ele ainda se recupera de lesão muscular e também não foi relacionado para o jogo da rodada passada contra o Vitória-BA. Assim, a tendência é que a dupla de zaga seja formada por Frazan e Caetano.

O técnico Allan Aal, que embarcou de muletas por causa da cirurgia no joelho esquerdo, terá mais três desfalques na partida: o zagueiro Gum, o volante Jean Patrick e o atacante Nicolas Careca, suspensos pelo terceiro amarelo.

Uma provável formação do CRB tem: Diogo Silva; Celsinho, Frazan, Caetano e Guilherme Romão; Claudinei, Wesley, Diego Torres e Renan Bressan; Emerson e Pablo Dyego. Na quinta colocação, com 60 pontos, o CRB precisa, para subir, vencer Operário-PR e torcer para o Avaí não ganhar domingo do Sampaio Corrêa, às 16h, em Florianópolis.

O lateral-esquerdo Guilherme Romão falou sobre a importância da partida. Avisou que os jogadores querem fazer história no clube. “Vai ser uma rodada de grandes emoções, sem nenhuma dúvida. Não temos como prever nada. Queremos esse acesso para o CRB. Seria algo marcante na carreira de todos e para o clube, que vem lutando nos últimos anos por isso. Queremos dar esse presente ao nosso torcedor, que merece muito”.

Em campo os atletas preferem saber os outros resultados, já que os jogos serão simultâneos. “Somos seres humanos e, se soubermos do resultado, é bom, controla um pouco. Mas, se entrarmos querendo ficar sabendo do resultado (Avaí x Sampaio), jogar com isso na cabeça, isso pode nos atrapalhar. Nós temos que entrar em campo focados, principalmente no que temos que fazer para superar e vencer o Operário. Claro que no final não vai ter como, nós vamos saber de alguma coisa, se vamos ter que segurar o resultado ou ter que ir pra cima. Então é manter o foco nas nossas ações e no nosso trabalho para superar o Operário”, disse o goleiro Diogo Silva.

Fonte: Tribuna Independente



Compartilhe