Política

PAI JOGA QUEROSENE E ATEIA FOGO NO FILHO DE 12 ANOS PORQUE ELE NÃO QUERIA FAZER LIÇÃO


Fonte: Por Redação com Metrópoles

21/09/2022 14h53

Um menino de 12 anos sofreu ferimentos gravíssimos e morreu após seu pai o encharcar de querosene e tocar fogo, como forma de repreendê-lo por não ter feito a lição de casa.

O menino Shaheer Khan, que morava no distrito de Orangi Town, em Karachi, no Paquistão, uma favela com quase 3 milhões de habitantes, morreu dois dias após o terrível incidente em que seu pai, Nazir, derramou querosene nele e o queimou por não fazer a tarefa.

A polícia paquistanesa afirma que, na última quarta-feira (14), o pai, nervoso, teria derramado o óleo sobre o filho na tentativa de assustar o menino depois que os dois discutiram sobre a importância dos estudos.

Os gritos de pânico de Shaheer levaram a mãe dele, Shazia Khan, a correr em seu socorro e ajudar o marido a tentar apagar o incêndio, jogando cobertores sobre a criança, que morreu na sexta (16). O pai será julgado no sábado (24).



Compartilhe